Preparadores de encomendas para tarefas de picking de todos os níveis
Preparador de Encomendas

Escolha de acordo com a sua operação de picking

O processo de picking, que é o meio através do qual, uma determinada encomenda faz com que a mercadoria seja recolhida e preparada para expedição, é um dos mais exigentes.

O sucesso de muitas empresas depende da sua rapidez e precisão. Para poder realizá-lo de forma ótima, é necessário ter pessoal qualificado, capaz de manusear as ferramentas mais adaptadas a cada operação de recolha ou preparação de encomendas.

Quando falamos do tipo de operação de recolha ou preparação de encomendas, referimo-nos frequentemente à forma como a configuração do espaço num armazém é estruturada.

Há armazéns onde a maioria das mercadorias é armazenada ao primeiro nível (ao nível do solo) com paletes e há armazéns com menos espaço, de modo que, através de soluções de armazenamento em altura, melhoram a sua operacionalidade.

Como cada caso requer um tipo de equipamento, hoje queremos eliminar todas as dúvidas.

Por conseguinte, trazemos-lhe algumas das chaves para aprender a escolher o preparador de encomendas certo para as suas necessidades no armazém.

Os preparadores de encomendas como aliados de um picking eficiente

Antes de começar a avaliar a marca com que vai trabalhar, onde vários aspetos como preço ou normas de qualidade e segurança de cada um deles entrarão em jogo, deve ter em mente que existem principalmente dois tipos de preparadores de encomendas:

  • Aqueles que serão ideais para si se for trabalhar a nível do chão.

  • Aqueles que lhe permitirão fazer trabalhos de elevação quando o seu armazenamento também tira partido do espaço em altura.

Embora cada um deles tenha as suas particularidades, existem questões comuns que deve conhecer:

Para ambos os tipos de preparadores de encomendas, o condutor deve ter um espaço de trabalho confortável, onde lhe serão instaladas as ferramentas necessárias para executar as suas tarefas: scanner, ecrã WMS, assim como outros elementos.

  • A fim de melhorar a eficiência do trabalho, pode ser interessante ter um preparador de encomendas que, quer seja uma empilhador ou não, tenha garfos mais compridos do que o habitual para realizar várias tarefas de separação de pedidos em simultâneo. Estamos a falar de garfos entre 1.500 e 2.500 mm.

Tipos de preparadores de encomendas de acordo com o seu picking

Dependendo da configuração do seu armazém e, portanto, do tipo de operação que necessita, pode avaliar a sua escolha, tendo em conta três tipos:

1.- Preparador de encomendas ao nível do chão

É o standard e, provavelmente, o tipo mais comum de preparador de encomendas. Permite movimentos rápidos, precisos e de maior capacidade. No entanto, não é a solução de necessita se vai trabalhar em altura. Só será possível preparar encomendas para lotes que sejam armazenados no primeiro nível do armazém, ou seja, tudo o que está abaixo da estanteria, ou em paletes

Apesar disso, os atuais preparadores de encomendas não são tão rígidos e possível encontrar alguns que têm uma plataforma ou degrau para fácil acesso, o que também melhora a manobrabilidade e torna-o mais ergonómico para o condutor.

Quanto à quantidade de mercadorias a serem manuseadas, o habitual é poder fazê-lo com uma ou duas paletes simultaneamente e também consecutivamente, uma após a outra.

Além disso, existem modelos de preparação de encomendas em que os garfos são levantados para melhorar a ergonomia durante a picking.

2.- Preparador de encomendas em níveis baixos

Surge como uma variante da anterior, mas com um pouco mais de flexibilidade em termos de elevação.

Pode aceder a uma altura mais elevada, em particular a elevação é de até 1200 mm, mas incorpora sempre uma plataforma na frente do empilhador para aceder a encomendas localizadas numa altura intermédia.

Esta é uma boa opção se tiver mercadoria a um nível ligeiramente mais elevado do que o solo, mas não estiver a utilizar armazenagem suspensa. Em particular, estamos a falar de uma altura de picking ocasional ou pouco frequente de cerca de 1.600 mm.

3.- Preparador de encomendas em altura

Neste caso, estaria a considerar um empilhador ligeiramente mais robusto devido às necessidades envolvidas no tipo de picking com que vai trabalhar.

Perfeitos para a preparação de pedidos em altura, estes empilhadores são altamente recetivos aos processos de preparação de encomendas e manipulação em armazéns de grande capacidade.

Por outro lado, vale a pena notar que, ao trabalhar em níveis de elevação superiores e com operadores inexperientes, podemos encontrar-nos em situações de risco. É por isso que hoje, podemos encontrar uma grande variedade de soluções no mercado com sistemas de assistência disponíveis que ajudam a navegar com precisão através do armazém ou a evitar obstáculos.

3 elementos importantes a ter em conta, se estiver a decidir o tipo de preparador de encomendas

  • Existem até 10 milhões de configurações possíveis para este tipo de empilhador, para combinar os diferentes elementos de acordo com os requisitos de utilização de cada armazém ou tipo de operação.

  • Os preparadores de encomendas ao nível do solo atingem uma velocidade máxima de até 14 km / h com ou sem carga.

  • Se o posto de condução for amortecido, as vibrações causadas por superfícies irregulares são eliminadas, reduzindo a fadiga do condutor e as doenças profissionais

Em resumo, existem tantas configurações e modelos de preparadores de encomendas como as necessidades e peculiaridades operacionais do picking. Portanto, é necessário escolher um modelo que melhor se adapte à sua operação, tanto em termos de características técnicas e acessórios como de solução energética. Agora que sabe que antes de escolher a maquinaria ideal para o seu armazém, tem de se concentrar no tipo de picking ou preparação de encomendas que vai desenvolver, não deixe de fora elementos tão importantes para a produtividade e eficiência como a segurança para pessoas e bens no tráfego interno, ou a ergonomia do condutor.