Porta-paletes T14 S, T20 – T25 S/SF

O modelo rápido e estreito

Produtivos, ágeis e precisos em corredores estreitos

Os porta-paletes T14 S, T20 – T25 S/SF possuem um chassis particularmente estreito – por isso, são mais estreitos do que uma palete. Juntamente com a direção elétrica precisa, esta caraterística permite que o porta-paletes possa ser manobrado de forma otimizada. Verifica-se um aumento da capacidade de transporte sobretudo em espaços limitados. A construção da plataforma para o condutor também desempenha um papel fundamental. Esta está completamente desacoplada do chassis e absorve muitas vibrações resultantes de vias de circulação irregulares. A elevada posição em pé ajuda em termos de processos seguros. A partir desta, o condutor tem uma ótima visibilidade sobre as pontas dos garfos e pode recolher rapidamente as paletes. Consoante o modelo, os porta-paletes T14 S, T20 – T25 S/SF dispõem de uma capacidade de carga máxima de 1400 kg, 2000 kg e 2500 kg.

Características

Segurança

Durante a utilização, o condutor encontra-se sempre bem protegido dentro do contorno do equipamento. Isto é sobretudo possível através de uma direção suave, que este pode operar facilmente a partir do pulso e sem grandes movimentos do corpo. Adicionalmente, o equipamento dispõe de um interruptor de homem morto que aciona um travão eletromagnético em função da carga. Assim, os porta-paletes param sempre suave e rapidamente, independentemente da carga. Graças ao chassis compacto, o condutor tem uma ótima visibilidade sobre as pontas dos garfos. Isto reduz o risco de colisões. Consoante o raio de viragem, os equipamentos adaptam automaticamente a sua velocidade nas curvas.

  • Contornos protetores do equipamento
  • Chassis robusto
  • Interruptor de homem morto com travão em função da carga
  • Boa visibilidade sobre os garfos
  • Adaptação automática da velocidade nas curvas

Ergonomia

Vibrações durante a marcha e na movimentação representam um esforço para o condutor, que fica cansado. Por isso, o porta-paletes T14 S está equipado com uma plataforma para o condutor suspensa, completamente desacoplada do chassis, absorvendo assim em grande medida as vibrações. Por sua vez, os porta-paletes T20 – T25 S/SF estão equipados com uma cabina do condutor com suspensão integral. Para um maior conforto durante a utilização, a versão S inclui um encosto almofadado, e todo o controlo do equipamento pode ser realizado sem qualquer esforço através da plataforma de comando ergonómica, utilizando a mão direita ou a esquerda. Os apoios para as mãos da plataforma de comando podem ser ajustados em altura pelo condutor na versão S.

  • Cabina do condutor com vibrações reduzidas
  • Encosto almofadado

Movimentação

Um motor de corrente trifásica potente propulsiona os porta-paletes T14 S, T20 – T25 S/SF e acelera os mesmos rapidamente até à velocidade máxima de 12 km/h. Adicionalmente, o chassis estreito simplifica muitas manobras de marcha em ambientes de espaço limitado. Para uma adaptação perfeita à utilização, estão disponíveis duas versões básicas: na versão S, o condutor encontra-se lateralmente de pé em relação aos garfos e controla precisa e confortavelmente todos os movimentos através do joystick. Na versão SF, o condutor encontra-se de pé, virado de frente para os garfos, e opera o equipamento através de um comando de direção de 2 punhos simples e compacto.

  • Potente motor trifásico de 3 kW
  • Sistemas de direção alternativos
  • Chassis compacto
  • Boa manobrabilidade

Assistência técnica

O técnico tem fácil acesso aos componentes de assistência técnica, que se encontram atrás de uma cobertura. Através do sistema bus CAN, pode verificar rapidamente todos os dados do equipamento através de um computador portátil de assistência técnica ligado. O motor de corrente trifásica de 3 kW está protegido contra pó, não necessitando de manutenção. O chassis robusto e as pontas dos garfos de forma especial, que deslizam facilmente para dentro da palete e protegem assim todo o equipamento, asseguram estabilidade e uma longa vida útil.

  • Sistema bus CAN, sistema eletrónico protegido
  • Fácil acesso aos componentes
  • Motor de corrente trifásica isento de manutenção
  • Chassis robusto

Dados técnicos

Model Load capacity/Load Lift Travel speed, with/without load Turning radius Battery voltage/rated capacity (5h)
T14S 1,4 (t) 115 (mm) 8 / 10 km/h 1710 / 1780 (mm) 24 / 345/375 [23/205] (V)/(Ah) o. kWh
T20S 2,0 (t) 115 (mm) 10 / 12 km/h 1710 / 1780 (mm) 24 / 345/375 [23/205] (V)/(Ah) o. kWh
T20SF 2,0 (t) 115 (mm) 10 / 12 km/h 1710 / 1780 (mm) 24 / 345/375 [23/205] (V)/(Ah) o. kWh
T25S 2,5 (t) 115 (mm) 10 / 12 km/h 2160 / 2230 (mm) 24 / 345/375 [23/205] (V)/(Ah) o. kWh
T25SF 2,5 (t) 115 (mm) 10 / 12 km/h 2160 / 2230 (mm) 24 / 345/375 [23/205] (V)/(Ah) o. kWh

Equipamento especial

Barra de suporte do lado esquerdo

Na barra podem, por exemplo, ser fixados terminais, scanners, porta-documentos, utensílios de escrita ou acessórios individuais.

Porta-documentos

Todas as tarefas à vista: o porta-documentos bem visível facilita muitos processos de transporte e de preparação de encomendas.

Linde Connected Solutions

Através das Linde Connected Solutions é, por exemplo, possível analisar a utilização de toda a frota e, de seguida, otimizar a assistência técnica ou o aproveitamento dos equipamentos.

Compensação de nível

O sistema compensa irregularidades do piso e assegura que as quatro rodas estejam sempre em contacto com o piso. Isto melhora a estabilidade do equipamento.

Support Data Terminals

Support Data Terminals

Luz de aviso

Esta encontra-se na barra de suporte do lado direito do equipamento e alerta peões e outros equipamentos.

Controlo de acesso

O acesso de controlo no sistema de gestão de frotas da Linde informa a gestão de frotas sobre quem se encontra atualmente a operar os equipamentos. Antes do arranque, o condutor tem de se identificar através de um código PIN ou um cartão RFID.

Pedir orçamento